Home » Eventos

Carnaval de Podence, Património Mundial

15 Fevereiro 2022 1.998 views Não Commentado

O ancestral Carnaval da aldeia de Podence é um dos eventos tradicionais mais importantes do norte de Portugal. A forte participação da comunidade que conseguiu preservar esta tradição durante séculos e a importância que mantém atualmente nos eventos culturais da região foram determinantes para que a UNESCO classificasse o Carnaval de Podence como Património Imaterial da Humanidade.

Carnaval de Podence, Património Mundial

Todos os anos, durante o Carnaval, as figuras “diabólicas” dos Caretos – rapazes mascarados com trajes de franjas coloridas, caras de nariz pontiagudo feitas de lata ou couro e chocalhos à cintura – percorrem as ruas de Podence fazendo barulho e metendo-se com as pessoas que passam, sobretudo com as raparigas.

Na origem, estavam associados à figura do “diabo à solta” e representavam os excessos, a euforia e a alegria permitidos nesta altura do ano, depois dos meses frios de inverno, celebrando também a fertilidade da primavera que se aproximava.

Carnaval de Podence, Património Mundial

Foto: Caretos©RCL-RuiCunha

Tradicionalmente, no Domingo Gordo e na 3ª Feira de Carnaval, os rapazes da aldeia encarnam as misteriosas personagens e cheios de energia, que acreditam ser transmitida pela máscara, correm pela aldeia aos saltos e aos gritos, perturbando a tranquilidade. Um dos principais motivos das correrias é encontrar raparigas para dançar e para as “chocalhar”. E assim se vão divertindo, protegidos pelo anonimato. São seguidos por rapazes mais novos que imitam os caretos mais velhos aprender e assegurar a continuidade da tradição, a quem chamam “facanitos”.

Entre os momentos mais importantes do Carnaval de Podence, destacam-se os casamentos a fingir, no Domingo Gordo, um momento de humor e sem hipótese de reclamação por parte dos escolhidos e, na 3ª feira de Carnaval, o desfile e a cerimónia da Queima do Entrudo, que anuncia o final da festa.

Em 1985, os Caretos de Podence organizaram-se e transformaram o grupo numa associação cultural, com o objetivo principal de preservar este evento tradicional. Como símbolo da cultura do nordeste transmontano, estes mascarados têm sido convidados a participar em vários acontecimentos culturais e recreativos. A história do grupo e desta tradição pode ser vista na “Casa do Careto”, um espaço museológico existente em aldeia.

Mais informação em www.caretosdepodence.pt.

Booking.com